Compromisso com a verdade dos fatos

Bem-vindo ao blog Garimpando Palavras

sábado, 24 de agosto de 2013

Médicos cubanos pousam no Recife, a caminho de Brasília


Os primeiros médicos cubanos que vão trabalhar no Brasil, através de acordo entre o Ministério da Saúde e a Organização Pan-Americana de Saúde (Opas), dentro do programa Mais Médicos, já estão no país. No começo da tarde deste sábado (24), um grupo com 206 profissionais pousou no Recife, em escala do voo que segue para Brasília, onde deve chegar no começo da noite.
A aeronave aterrissou às 14h30 e, desse total, 30 médicos ficaram na capital pernambucana. Ainda dentro do avião, o secretário de Gestão do Trabalho e da Educação na Saúde do Ministério da Saúde, Mozart Sales, deu as boas-vindas aos profissionais, que estavam muito emocionados e chegaram até a chorar na despedida do grupo que ficou na cidade. Eles foram levados para um alojamento do Exército. Os 170 restantes seguiram no voo para a capital federal.
No Aeroporto dos Guararapes, cerca de 20 pessoas, de idades e movimentos sociais distintos, aguardavam para dar as boas-vindas aos médicos. "Nas manifestações de junho, pedimos mais qualidade na saúde e a chegada dos cubanos é uma forma de melhorar esse quadro, mas sabemos que é preciso mais investimento em saúde e educação. Acho duro o posicionamento da classe médica brasileira, pois isso não vai tirar o trabalho deles, é apenas uma complementação, já que alguns médicos brasileiros não querem ir para lugares onde eles estão indo", disse a presidente da União da Juventude Socialista em Pernambuco, Thiara Milhomem.
Os trinta médicos que desembarcaram no Recife chegaram ao saguão agitando bandeiras do Brasil e de Cuba e agradecendo a presença das pessoas que foram, espontaneamente, recebê-los.

G1

Militante desmente Vital sobre concessões de rádios comunitárias

Em nota à imprensa, o senador Vital do Rego (PMDB) anunciou ontem, a relação de mais 16 municípios paraibanos que, “graças à sua articulação”, tiveram abertos seus avisos de habilitação para rádios comunitárias na Paraíba. Nas redes sociais, o Coordenador Executivo da Associação Brasileira de Radiodifusão Comunitária, José Sóter, desmentiu o Senador. “Ele não tem qualquer ação em prol das rádios comunitárias e esse Aviso de Habilitação não teve nenhuma ingerência ou responsabilidade do parlamentar”, afirmou Sóter, acrescentando que os verdadeiros responsáveis por essas conquistas “são os companheiros e companheiras da Abraço/PB” e demais militantes do movimento de rádios livres e comunitárias. José Sóter informou ainda que as comunidades que desejarem investir numa estação de rádio comunitária devem procurar a Abraço/PB para obter informes sobre os procedimentos técnicos e burocráticos.
 
As cidades contempladas no mais recente Aviso de Habilitação para rádios comunitárias na Paraíba são Bernardino Batista, Bom Jesus, Carrapateira, Coxixola, Curral Velho, Frei Martinho, Mato Grosso, Puxinanã, Riachão, Santa Inês, São Domingos do Pombal, São José do Bonfim, Serra da Raiz, Serra Grande, Vista Serrana e Zabelê. As entidades civis sem fins lucrativos têm 60 dias a partir da publicação que foi na última segunda-feira 19 de agosto para encaminharem a documentação instrutória necessária, via postal, ao Ministério das Comunicações.

parlamentopb

sexta-feira, 23 de agosto de 2013

O que é uma cidade saudável?


Cajazeiras – cidade saudável...

Inácio A. Torres


Desde 1986, existe no mundo inteiro um movimento denominado “Cidades Saudáveis”, que foi incentivado pela Organização Mundial da Saúde/OMS. O objetivo é estimular a prática de políticas públicas urbanas voltadas para a melhoria da qualidade de vida, com ênfase na intersetorialidade e na participação social.


Em resumo, a intenção é alertar a consciência popular e de gestores, no sentido de uma aproximação respeitosa e respeitável e onde os interesses da cidade sejam colocados acima de tudo e de todos. A construção de uma afinidade, destituída de paixões políticas, de ambições pelo poder e de inveja pelo sucesso do próximo. Um vínculo forte e de confiança entre o povo e os governantes em que prevaleça o desejo de colaborar com o progresso da cidade. Um compromisso genuíno que, independentemente da condição econômica, escolaridade, credo religioso ou partido político, tenha habilidade e competência para compartilhar sucessos e não sucessos da vida da cidade.


Para alguns, esse projeto pode parecer utópico, mas como já foi dito, a utopia é necessária para a sobrevivência. E uma cidade é um organismo vivo que, para continuar existindo, necessita preservar relacionamentos mútuos e salutares entre seus habitantes e o meio ambiente, a flora, a fauna, o paisagismo, a mobilidade, enfim a natureza. Sem cuidados, esses relacionamentos enfraquecem podendo surgir fatores que provocam desequilíbrio climático, atmosférico e biológico. Portanto, em prol do bem comum de nossa cidade, faz-se imprescindível que lutemos fortemente pela organização, limpeza, transporte, saúde, segurança, educação, lazer, mobilidade urbana, dentre outros.


 E, se agirmos com intensidade, dedicação e entusiasmo, isso é possível, pois nos quase trinta anos da existência desse projeto, apoiado pela OMS, várias cidades conseguiram atender as condições necessárias para obtenção do título de “cidade saudável”. Essa comenda também desejamos para as cidades da Paraíba, notadamente nossa querida Cajazeiras – a terra santa. Porém, se não cuidarmos bem de nossa terra, estaremos validando a frase de Eça de Queiroz: “Os sentimentos mais genuinamente humanos logo se desumanizam na cidade”, escrita há cento e cinquenta anos.


Leia abaixo as exigências legais necessárias à consecução desse título para o qual, além dos gestores, dependerá a demonstração de força, de
união e participação consciente de cada um de nós. Não há força que supere a força de um povo unido em torno de uma causa.
Requisitos definidos pela OMS, para que uma cidade seja saudável:

1.Um ambiente físico limpo e seguro

2. Um ecossistema estável e sustentável


3. Alto suporte social, sem exploração

4.Alto grau de participação social

5.Satisfação das necessidades básicas

6 .Acesso a experiências, recursos, contatos, interações e comunicações

7 .Economia local diversificada e inovativa

8.Orgulho e respeito pela herança biológica e cultural

9.Serviço de saúde acessível a todos


10.Alto nível de saúde

Raimundo Nonato é reeleito presidente do Sindicato da Construção Civil de Patos e Região

Foto:Marcos Eugênio
Aconteceu no último dia 19 a eleição para diretoria do SINTRINCIN – Sindicato dos Trabalhadores Intermunicipal nas Indústrias da Construção e do Mobiliário de Patos e Região. Apenas uma chapa concorreu ao pleito, permanecendo no cargo Raimundo Nonato.
Dos 216 associados inscritos e aptos à votação, 154 votaram, dando quórum de 71,3%. Houve cinco votos em branco, dois nulos e 147 válidos.

O presidente Raimundo Nonato falou ao pbnoticias sobre essa nova gestão. Um dos primeiros pontos a ser trabalhados pela diretoria será na cobrança de maior presença do CEREST – Centro de Referência em Saúde do Trabalhador, de Patos, em ações educativas, preventivas com os operários.

“A gente percebe que é necessária mais participação do CEREST junto aos trabalhadores. Há muitas informações que vão ajudar na prevenção de doenças, mas para isso os profissionais de saúde, técnicos precisam fortalecer esse trabalho com palestras, exposições, vídeos que ampliem o conhecimento de todos”, comentou Nonato.

Obrigações e direitos dos trabalhadores da construção e mobiliário está sempre na pauta do Sindicato, segundo seu presidente. Diz que é um trabalho constante no contato com empregados e empregadores, e que visa justamente garantir que os trabalhadores usufruem de todos seus direitos, mas também cumpram com seus direitos perante as empresas empregadoras.


 Benefícios de saúde, como novas parcerias com clínicas e laboratórios é outra linha de ação do Sintrincim. “O que buscamos é facilitar o acesso do trabalhador e de sua família a algo essencial na vida, que é a saúde”, explicou.

quinta-feira, 22 de agosto de 2013

Salas de vacina da regional Patos preparadas para atualização do cartão das crianças menores de 5 anos

Socorro Guedes
Vacinadores recebem orientações

Acontece de 24 (próximo sábado) a 30 deste mês, a Campanha Nacional de Atualização da Caderneta de Vacinação de crianças menores de 5 anos. Na regional Patos profissionais de salas de vacina receberam todas as orientações necessárias esta semana pela coordenadora de imunização Socorro Guedes.
Ela explicou que o dia D da de divulgação e mobilização da sociedade será neste sábado e contará com a participação de todos os municípios, que vão permanecer com suas salas de vacinação funcionando das 8h até às 17h.
 “É importante que todas as crianças que não receberam a dose d algum tipo de vacina sejam levadas para atualizar sua caderneta e prevenir doenças”, reforçou. Os postos de vacinação vão oferecer todas as vacinas do calendário básico infantil, como oral polimielite (VOP), pneumocócica 10 valente, tríplice viral (sarampo, rubéola e caxumba), DTP (difteria, tétano e coqueluche), BCG, hepatite B, penta, inativada poliomielite (VIP), rotavírus, febre amarela e meningocócica.

Pelo calendário são disponibilizados para as crianças 18 tipos de vacinas. Segundo o Ministério da Saúde, 90% delas são produzidas no Brasil, que conseguiu grandes resultados com as campanhas preventivas, erradicando doenças como a poliomielite (paralisia infantil).

CAMPINA GANHA MAIS UMA RÁDIO UNIVERSITÁRIA


Conhecida pela qualidade de suas universidades e faculdades Campina Grande ganha nesta sexta-feira, dia 23, mais uma Rádio Universitária. Trata-se da rádio instalada na Faculdade Cesrei que irá atender ao corpo docente e discente da Instituição de Ensino.

Segundo o diretor da faculdade, professor Cleumberto Reinaldo Ramos, a Rádio Universitária Cesrei é mais uma opção para que os alunos dos Cursos de Publicidade e Propaganda e Direito possam por em prática o ensino-aprendizagem através de oficinas práticas e atendimento a comunidade. Ele explicou que “os alunos além da programação interna irão desenvolver várias ações que possam contribuir para a cidade de Campina Grande”.

A professora Maria Zita Almeida, coordenadora do Curso de Publicidade e Propaganda falou que os alunos dos dois cursos estão inscrevendo projetos que serão avaliados por um colegiado para que possa atender as questões acadêmicas e sociais. “Já temos projetos dos alunos de Publicidade para radionovelas, web rádio, rádio solidária e alunos de Direito já inscreveram um projeto para prestar esclarecimentos sobre questões jurídicas”.

A aluna Laís Barbosa resumiu o sentimento dos alunos com relação a essa nova aquisição. “Os professores sempre trabalhavam conosco a questão da oratória, mas agora com a rádio e os programas que iremos desenvolver com certeza ficará mais fácil por em prática a locução de programas e divulgação das publicidades de nossos parceiros”.

O diretor lembra que a Rádio Universitária Cesrei chega na data em que a faculdade comemora 09 anos. “Nesta sexta (23) teremos uma celebração às 18h em comemoração ao aniversário da instituição e às 20h iremos inaugurar a rádio, um presente para professores, alunos e toda a comunidade campinense”.

Maria Zita

Maior obra de macrodrenagem do interior do Nordeste será inaugurada em Patos


A maior obra de macrodrenagem do interior do Nordeste, o Canal do Frango, será entregue à população na próxima segunda-feira, dia 26, às 16h. O canal é uma das primeiras obras do PAC II a serem inauguradas no país.

Além de trazer segurança, acabando com os riscos de inundações em períodos chuvosos, o Canal do Frango urbaniza a região com a pavimentação de ruas perpendiculares e a construção de novas ruas paralelas à obra. O cuidado com o meio ambiente também é percebido, pois toda a extensão da obra é arborizada e foi construída uma nova rede de esgotos paralela ao Canal.

De acordo com a prefeita de Patos, Francisca Motta, o momento é de realização e de assumir novos compromissos. “Essa é a maior obra dos últimos cinquenta anos. Foi orçada em R$ 27 milhões e traz muita segurança para os moradores dos bairros que sofriam com alagamentos. As pessoas agora podem ficar tranquilas, já que não vão mais dormir com medo de ver tudo que conquistaram ser levado pelas águas. E o mais importante, as vidas das pessoas não serão mais colocadas em risco”, destacou.

No Canal do Frango foram aplicados R$ 390.087,68 (trezentos e noventa mil, oitenta e sete reais e sessenta e oito centavos) com o desenvolvimento de política pública social. Para a obra propriamente dita, a Prefeitura de Patos destinou R$ 1.114.925,68 (hum milhão, cento e quatorze mil, novecentos e vinte e cinco reais e sessenta e oito centavos) e o Governo Federal aplicou R$ 26.275.162,00 (vinte e seis milhões, duzentos e setenta e cinco mil, cento e dezesseis reais).

A extensão total do Canal do Frango é de 2.660m (dois mil seiscentos e sessenta metros), construída em concreto armado.

“A mobilidade urbana é também um dos pontos altos do Canal. O tráfego em dez localidades da cidade melhorou bastante, dando mais fluidez ao trânsito”, completou a prefeita.

A inauguração do Canal do Frango contará com a presença do Deputado Federal Hugo Motta, do Ministro das Cidades, Aguinaldo Ribeiro, do senador Vitalzinho, e do ex-prefeito de Patos, Nabor Wanderley.

Gilclécio Lucena

Vereador de Serra Branca é assassinado em frente a escola

O vereador de Serra Branca, Geraldo Caetano, popularmente conhecido com Déa, foi morto na noite de ontem com quatro tiros à queima roupa quando trabalhava em uma barraca de lanches de sua propriedade em frente à Escola Estadual Senador José Gaudêncio. O crime aconteceu por volta das 22 horas.
 
Segundo informações de populares, o assassino tinha aparência jovem, usava aparelho dental e casaco preto. Ele chegou à barraca, pediu um lanche e após comer pegou uma arma e disparou os tiros contra o vereador, fugindo a pé logo depois do homicídio. Testemunhas afirmaram que um comparsa esperava o assassino em uma moto.
 
O motivo da execução ainda é desconhecido já que o vereador, segundo a imprensa local, era uma pessoa bem quista. A polícia de toda região se deslocou para Serra Branca e realizou diligências para tentar efetuar a prisão dos envolvidos.
 
com Paraíba Mix

quarta-feira, 21 de agosto de 2013

Padilha assina convênio internacional para contratar 4 mil médicos cubanos

Alexandre Padilha
O ministro da Saúde, Alexandre Padilha, assinou nesta quarta-feira (21) termo de cooperação com a Organização Panamericana de Saúde (Opas) para contratar coletivamente médicos de Cuba para atuar no Brasil. O acordo prevê, até o final do ano, a chegada de 4 mil médicos cubanos.
Na primeira etapa do convênio, informou o ministro, desembarcarão no país no próximo final de semana 400 profissionais cubanos. Eles serão alocados em parte dos 701 municípios que não foram escolhidos por nenhum dos profissionais brasileiros ou estrangeiros aprovados na primeira fase do programa Mais Médicos, destinado a levar profissionais de medicina para cidades carentes de assistência no interior do país. Desses 701 municípios, 84% estão nas regiões Norte e Nordeste.
Ao contrário dos brasileiros e estrangeiros que se inscreveram no Mais Médicos, os cubanos não poderão escolher os municípios para onde serão enviados. De acordo com o ministro da Saúde, todos os cubanos têm residência médica em medicina da família e, dos 400 que chegarão no final de semana, 30% têm pós-graduação em outras especialidades.
Padilha disse que, pelo acordo, o governo brasileiro pagará à Opas, o valor equivalente à remuneração dos demais profissionais contratados pelo Mais Médicos (R$ 10 mil), e a organização repassará esse dinheiro para o governo cubano. O valor total do acordo com a Opas é de R$ 511 milhões até fevereiro de 2014, informou Padilha.
O ministro afirmou não ter conhecimento sobre quanto dos R$ 10 mil ficará com os médicos e quanto irá para o governo cubano. Ele disse que não cabe ao governo brasileiro fazer esse questionamento. O representante da Opas no Brasil, Joaquín Molina, presente à entrevista coletiva concedida nesta quarta no Ministério da Saúde, disse que também não sabia informar.
Também serão fornecidos aos cubanos os demais benefícios oferecidos a aprovados no Mais Médicos (auxílio-moradia e alimentação), pagos pelas prefeituras.
A partir do dia 26, os médicos cubanos participarão, ao lado dos profissionais brasileiros e estrangeiros selecionados pelo Mais Médicos, de uma avaliação de três semanas em universidades públicas. De acordo com Padilha, somente os profissionais aprovados por essas universidades serão encaminhados aos municípios.
O ministro da Saúde informou que o segundo grupo de cubanos (2 mil) chegará ao Brasil em 4 de outubro para participarem da segunda rodada de avaliações. A data foi escolhida para coindicir com o período em que serão avaliados nas universidades os profissionais brasileiros e estrangeiros do Mais Médicos. O último grupo de cubanos (1,6 mil) deverá chegar até o final de novembro.
De acordo com o representante da Opas, os médicos cubanos poderão optar por trazer as famílias para o Brasil, mas serão os responsáveis pelas tratativas para obtenção de visto de saída dos parentes.
Em maio, antes de o governo lançar o programa Mais Médicos, o ministro das Relações Exteriores, Antonio Patriota, havia anunciado a negociação de um acordo para contratações de médicos de Cuba. Na ocasião, Patriota falou em 6 mil cubanos.
G1

CIRS aprova base do SAMU para Santa Teresinha
















A Comissão Intergestores Regional do Sertão (CIRS) esteve reunida na manhã desta quarta-feira 21 em Patos-PB para novas deliberações. Um dos destaques foi a aprovação de uma base do SAMU para o Município de Santa Teresinha. Essa unidade dará celeridade no atendimento a pacientes que precisem ser encaminhados a Patos, que faz a regulação do serviço para vários municípios.

Os gestores presentes também aprovaram melhorias para o CEO – Centro Especializado de Odontologia de Patos e tiveram ampla discussão em torno da central de marcação de consultas desta cidade, que está passando por mudanças na tentativa de agilizar o acesso da população aos atendimentos especializados, mais de 20 no Frei Damião. Os secretários questionaram a demora e número de exames a ser pactuados com Patos.

A secretária de saúde local, Ilana Mota, informou que a central de regulação teve problemas com a perda de grande parte do banco de dados, houve mudanças de coordenação de informática e que em breve tudo voltará à sua normalidade. “Na próxima semana vamos iniciar diálogo com cada secretário municipal para negociar sua PPI (Programação Pactuada Integrada), vendo a necessidade de cada município e que podemos atender”, enfatizou Ilana.
Patos, que é referência para mais de 40 municípios sertanejos, também se prepara para implantar o SISREG – Sistema Nacional de Regulação, sistema online criado pelo Governo Federal para gerenciar, regular o acesso da população aos serviços de saúde, desde a atenção primária à internação, humanizando e dando maior celeridade no atendimento. Os municípios estão recebendo uma ajuda federal para adquirir um computador com suporte para rodar o soft do SISREG.

Apesar de existir pacientes que aguardam por exames há meses no Centro de Saúde Frei Damião, de Patos, a secretária Ilana afirma que de janeiro aos dias atuais o município realizou mais de 300 mil procedimentos e tenta avançar cada vez mais na melhoria da saúde.

Um dos assuntos trabalhados na reunião desta quarta foi a de oferta de vários cursos, dentro das Prioridades para Construção do Plano Operativo da Regional Patos. São estratégias educativas que darão aprimoramento aos profissionais de saúde que atuam na atenção materno-infantil, pré-natal, puerpério, no acolhimento com classificação de risco, na atenção psicossocial, dentre outras áreas, direcionadas a nível técnico e superior.

Eletivas

O gerente regional de Saúde, José Leudo Farias, explicou que novas cirurgias de cataratas estão em fase de agendamento. Há quinze dias foram realizadas 50 no Hospital regional Dep. Janduhy Carneiro. Ele demonstrou preocupação pelo fato de alguns municípios não terem trazido todos os pacientes cadastrados para realizar o risco cirúrgico, necessário para que o paciente faça a cirurgia. Um exemplo é Patos, que possui o maior número de pacientes para tal procedimento, onde mais de trinta pessoas ainda não compareceram para realizar os exames. “Os médicos, que são de fora, só vêm quando todos os pacientes estiverem aptos”, explicou, convocando aqueles que ainda faltam o laudo médico a comparecerem na Clínica do Idoso, ao lado da Califórnia Veículos. Disse que das 50 cirurgias realizadas houve 100% de sucesso, inclusive todos os pacientes recebendo o acompanhamento pós cirúrgico.



Marcos Eugênio (6ª GRS)

Mini-curso reúne profissionais da Atenção Básica em Patos


Em alusão à 28ª Semana Mundial de Aleitamento Maternoa Secretaria Municipal de Saúde de Patos através da coordenação dos Programas Saúde da Criança e do Adolescente e Saúde da Mulher, realiza nesta quarta-feira, dia 21 de agosto, um mini-curso sobre a importância do aleitamento materno.

O evento que acontece nos turnos manhã e tarde, na Câmara Municipal de vereadores Casa Juvenal Lúcio de Sousa, é voltado para os enfermeiros da Atenção Básica e Agentes Comunitários de Saúde do município, pertencentes aos DGA’s I, II, III e IV.

De acordo com a coordenadora do Programa Saúde da Mulher, Isabela Cristina, os indicadores de aleitamento materno em Patos mostram que é necessário haver uma melhoria. “Com a adesão do município ao PMAQ, vimos a necessidade de realizar esse mini-curso, pois sabemos que por meio do Programa Nacional de Melhoria do Acesso e da Qualidade da Atenção Básica, o PMAQ, as UBS são avaliadas e os municípios recebem, conforme os seus desempenhos, mais recursos financeiros do MS”, conta.

A coordenadora do Programa de Saúde da Criança e do Adolescente, Janyelly Lourdes de Morais, disse que além do aleitamento materno, também será colocado em pauta orientações sobre o Programa de Puericultura, que objetiva acompanhar o crescimento e desenvolvimento de um indivíduo, sua cobertura vacinal, estimular a prática do aleitamento materno, entre outros cuidados.

Sheila Pereira, secretária adjunta de Saúde do município, comentou:

“Esse mini-curso visa orientar melhor esses profissionais para que possam atuar com mais conhecimento no trabalho de incentivar as mães a iniciar e manter a amamentação. Aproveito a oportunidade para parabenizar o empenho das coordenações envolvidas no evento e reafirmo o compromisso da pasta da saúde em procurar cada vez mais melhorar a Atenção Básica do nosso município”, explica .

Para Raquel Passos, enfermeira do DGA II, “atualizações desse tipo servem para contribuir no trabalho que já realizamos nas comunidades. As novidades repassadas aqui servem para que possamos orientar melhor as mães sobre os benefícios da amamentação”, relata a enfermeira.

 PROGRAMAÇÃO

DGA I e DGA II:            
TURNO: MANHÃ
HORÁRIO: 8:OOhs às 12:00hs
LOCAL: CÂMARA MUNICIPAL DE VEREADORES DE PATOS
DGA III e DGA IV:
TURNO: TARDE
HORÁRIO: 13:30hs às 17:00
LOCAL: CÂMARA MUNICIPAL DE VEREADORES DE PATOS

Palestras:
Dr. Eduardo Batista – Importância do Aleitamento Materno e orientações no Pré-natal;
Banco de Leite – Papel do Banco de Leite nas Unidades Básicas de Saúde;
Dra. Mona Laura de Sousa Morais – Assistência e Orientações para enfermeiros e ACS’s no Aleitamento Materno;

Ministério da Integração libera R$ 790 milhões e retoma transposição no Sertão


O Ministério da Integração Nacional confirmou a liberação de mais de R$ 790 milhões nas obras de transposição do rio São Francisco, incluindo os lotes em território paraibano. Segundo informações do Ministério da Integração, as obras do Lote 14, em São José de Piranhas (no Alto Sertão da Paraíba) estão em andamento. No mesmo município, garante a conclusão do processo licitatório do Lote 7, que já está em curso.

Neste mês de agosto, o Ministério da Integração Nacional assinou três novas ordens de serviço para o Projeto de Integração do Rio São Francisco, autorizando a aplicação de mais de R$ 790 milhões no empreendimento. Do total, R$ 347,9 milhões serão destinados para a construção de canais, estações de bombeamento, reservatórios e pontes no Eixo Leste (Meta 1L e 2L). Os outros R$ 442,7 milhões serão investidos nas construções de novos reservatórios no Eixo Norte (Meta 2N).
A aplicação dos recursos criará mais de mil postos de trabalhos. As contrações vão intensificar as atividades nas obras que passam ao longo do município de Jati, no Ceará, e das cidades pernambucanas de Betânia, Custódia, Floresta, Petrolândia e Sertânia. Ao todo, já são dez ordens de serviços emitidas para o Projeto neste semestre.
Com mais de 1.800 equipamentos em operação, o número de trabalhadores empregados pelo Projeto ultrapassou os seis mil. A maior obra de infraestrutura hídrica do país também conta com atividades 24 horas por dia em quatro trechos: Jati (CE), Salgueiro (PE), Cabrobó (PE) e em São José de Piranhas (PB).
Andamento das obras
Dos 16 lotes de obras que compõem a construção do empreendimento, dois já estão concluídos: o Canal de Aproximação dos eixos Norte e Leste.
Outros 12 ainda estão em atividades: Lote 1, em Cabrobó (PE); 2,3 e 8, em Salgueiro (PE); Lote 4, em Verdejante (PE); Lote 5, em Jati (CE); Lotes 9 e 13, em Floresta (PE); Lote 10, em Custódia (PE); Lote 11 e 12 (em fase de conclusão), em Custódia (PE) e em Sertânia (PE); e Lote 14, em São José de Piranhas (PB).
Os serviços do Lote 6, em Mauriti (CE); e do Lote 7, em São José de Piranhas (PB), serão retomados com a conclusão do processo licitatório da Meta 3N, que já está em curso. A complementação do Lote 12 - saldos remanescentes de obras do contrato em andamento - será realizada pelas empresas ganhadoras do processo licitatório da Meta 3L, em fase de conclusão.
O Projeto
O Projeto de Integração do Rio São Francisco faz parte do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC) do governo federal. Com conclusão prevista até 2015, o empreendimento vai garantir a segurança hídrica de mais de 390 municípios, localizados nos estados de Pernambuco, Ceará, Paraíba e Rio Grande do Norte.

Ascom

terça-feira, 20 de agosto de 2013

Ricardo inaugura primeiro campus universitário do país dentro de presídio

Apresentações culturais com a participação de apenados e homenagens marcaram a solenidade de inauguração do Campus Universitário Avançado do Serrotão, uma iniciativa realizada por meio de parceria entre o Governo do Estado e a Universidade Estadual da Paraíba (UEPB). A cerimônia contou com a presença do governador Ricardo Coutinho, do secretário de Administração Penitenciária, Wallber Virgolino, e do reitor da UEPB, Rangel Júnior, entre outras autoridades. Ao final da solenidade, foram entregues simbolicamente viaturas e armas para os agentes penitenciários.
Em seu pronunciamento, o governador Ricardo Coutinho enfatizou que a Seap, junto com a UEPB, promovem algo que marca, não só na história do Estado da Paraíba, mas a história do sistema prisional brasileiro. “Este é um empreendimento revolucionário, e nós precisamos fazer muitas revoluções neste país. A ousadia de uma universidade aqui da Paraíba, que sai da sua sede normal, perpassa seus muros e vem pisar num terreno que não é fácil, me conquista, eu gosto da ousadia humana. Outra coisa muito importante é que para a reinserção de uma pessoa na sociedade, após cumprir uma pena, tem que necessariamente ter um emprego, para não voltar ao mundo do crime, e para ter este emprego, tem que ter qualificação”, ressaltou.
Ricardo Coutinho comentou que no ano passado, a Paraíba reduziu em 8% o índice de homicídios, sendo o Estado que mais reduziu no Nordeste. “Com ações como esta de hoje, estamos transformando barris de pólvora em lugares de humanização. Por isso, a Seap está sendo respeitada e isso é resultado do trabalho do secretário Wallber Virgolino e de toda a sua equipe”, completou.
O secretário da Seap, Wallber Virgolino, por sua vez, falou da sua visão sobre a iniciativa: “Hoje é um dia que eu estou muito feliz, porque estamos materializando um sonho com a inauguração deste campus avançado da UEPB, que era uma determinação do governador Ricardo Coutinho e virou realidade por meio de uma parceria que vem dando certo, entre a Seap e a UEPB, além do esforço conjunto de toda a equipe envolvida no projeto. Também gostaria de ressaltar outros importantes projetos de ressocialização que estamos desenvolvendo, a exemplo da remissão de pena através da leitura e o Projovem Urbano para unidades de João Pessoa e Campina Grande, que serão estendidos para outras regiões do Estado”.
O reitor da UEPB, Rangel Júnior, também falou do início das atividades. “Os cursos não beneficiarão apenas os reclusos, mas os agentes penitenciários e todos os funcionários do Complexo Serrotão. Os reeducandos inicialmente farão cursos básicos para que futuramente se tornem aptos a cursar disciplinas do Núcleo Básico de Cursos Superiores, ainda a serem definidos”, revelou.
Algumas ações educativas já estão em pleno funcionamento na Penitenciária Regional Raymundo Asfora (Serrotão), a exemplo do projeto “Biblioteca Itinerante”, que leva os livros até as celas. Sobre os programas, o diretor da unidade, Manoel Eudes Osório, ressaltou que o presídio tem a capacidade de atender 80 reclusos estudando em cada turno. “Temos hoje em funcionamento a escola fundamental de alfabetização e um curso de informática básica, com 60 horas. No final deste curso, será implantado o curso de garçom, com 200 horas”, adiantou.
O campus avançado da UEPB do Serrotão conta com oito salas de aula e um auditório, onde serão realizados cursos, palestras e atividades culturais para os reeducandos. A universidade dentro do sistema prisional também contempla o Presídio Feminino, que está incluído no complexo penitenciário do Serrotão, com salas de aula, auditório e berçário, além de um ateliê destinado à confecção de bonecas de pano, a biblioteca, brinquedoteca.

Secom-PB

Encontro em Patos discute política nacional de saúde do trabalhador









Está acontecendo nesta terça-feira 20 no Cerest – Centro de Referência em Saúde do Trabalhador, de Patos, o I Encontro de Gestores Municipais da III Macrorregião de Saúde da Paraíba, evento promovido pelo Governo do Estado, em parceria com o Município.

Na pauta do encontro, para o qual foram convidados gestores de todos os 49 municípios que compõem a Macro III (Patos, Piancó e Princesa Isabel), se discute a implementação e parceria com estes em torno da Política Nacional de Saúde do Trabalhador e da Trabalhadora. Ao final todos devem sair com um plano de ação , informando quais são seus parceiros e de que forma vão desenvolver atividades que promovam a saúde do trabalhador.
Cileida Maria Barros, diretora geral do Cerest-PB, disse que o Governo do Estado está oferecendo todo seu apoio aos municípios, repassando os indicadores de saúde e metas que cada um precisa atingir, de acordo com as portarias ministeriais.

Ela explicou que a saúde do trabalhador está passando despercebida pelos profissionais de saúde, e uma das falhas é a não notificação de doenças e agravos na rede de saúde. “Há muitas doenças crônicas como diabetes, hipertensão, câncer que muitas vezes estão associadas ao ambiente, às condições de trabalho a que o trabalhador tem de enfrentar no dia a dia de sua atividade”, enfatizou.

Cileida afirmou ser preciso identificar as atividades econômicas de cada região, as doenças que estão relacionadas ao ambiente de trabalho. Disse que segurança não diz respeito apenas ao uso do EPI (equipamento de Proteção Individual), mas a ações preventivas, que diminuam riscos à saúde dos funcionários.

Trabalho Infantil

O trabalho infantil tem sido uma das maiores preocupações do Cerest, pela exposição, pela maior suscetibilidade das crianças às doenças que os adultos. No ranking nacional de trabalho infantil a Paraíba saiu da 3ª posição para a 21ª, número importante, mas que, segundo a diretora do Cerest Estadual, é necessário que continue avançando e para isso é crucial fortalecimento da parceria envolvendo as secretarias de Saúde, Educação, Assistência Social, MP, MPT, Superintendência Regional do Trabalho, em ações conjuntas que não só inibam o trabalho infantil como conscientize a todos sobre o problema.

Capacitação

Ela diz que ainda persiste o trabalho infantil, grande parte por questões culturais e cita o exemplo da lavou, aonde as crianças ajudam seus pais e se tornam bastantes vulneráveis às doenças. Nessa luta de fortalecimento de rede o Governo da Paraíba está oferecendo uma série de cursos sobre os protocolos, portarias que regulamentam a práxis do acolhimento, notificação, educação sobre a saúde do trabalhador, para os profissionais da atenção primária, ACS, vigilância em saúde. Nessa parceria o município agenda dia e horário e o Estado envia os facilitadores.


Cláudia Miranda, coordenadora do Cerest Patos, falou do trabalho que o órgão vem realizando na cidade, destacando o de conscientização, através de palestras, em empresas, canteiros de obras, alertando sobre a importância da prevenção a doenças. Reforçou a necessidade da notificação dos acidentes e doenças relacionadas ao trabalho, as enfermidades desencadeadas que leva a algum tipo de lesão corporal, alteração psicológica. “São doenças que podem atingir a qualquer trabalhador, seja segurado ou não pelo INSS, servidor público, da iniciativa privada, no exercício de suas funções.

Marcos Eugênio

Rotary de Patos lança campanha para revitalização do Rio Espinharas


Foto:Marcos Eugênio

O Conselho dos Clubes de Rotary (Patos, Norte e Sul), deflagram no próximo domingo, 25 de agosto de 2013, a Campanha pela Revitalização do Rio Espinharas.

A programação constará de uma caminhada pelas margens e leito do Rio, para detectar e documentar as distorções e problemas cruciais que transformaram o curso de água em um depósito de detritos, além das invasões imobiliárias, ocupações indevidas e destruição da mata ciliar.

O objetivo é despertar a sociedade para a necessidade de providências enérgicas e urgentes, reunindo uma vasta documentação, recheada de imagens (vídeo e fotografias), para substanciar um relatório completo, que será entregue as autoridades competentes, durante ato público que acontecerá posteriormente.

Nesse sentido, estamos convidando você e sua entidade, para engrossar fileiras nesta luta, a partir deste primeiro ato. Nos encontraremos às 7h da manhã do domingo, 25 de agosto de 2013, em frente a Igreja Catedral de Nossa Senhora da Guia, de onde seguiremos em ônibus até a Ponte do Figueiredo, onde terá início a nossa expedição.



            Atenciosamente,



 Edu Azevedo                                            
 Presidente do Conselho  

Damião Lucena
Coordenador do Projeto

Ex-presidiário é executado em praça do Belo Horizonte

O crime foi registrado pelo COPOM por volta das 18h:30m desta segunda-feira (19). Porém as causas ainda são desconhecidas para polícia

Um assassinato em plena Praça Alcides Carneiro (Praça Nossa Senhora de Fátima) no bairro Belo Horizonte foi registrado por uma ligação de uma testemunha (que não quis se identificar) ao Copom da PM e imediatamente uma guarnição de RP foi enviada ao local.

Chegando lá os policiais já se depararam com um corpo caído ao solo identificado como sendo o de Paulo Roberto Santos Candeia, com 28 anos de idade, maqueiro, que saiu do presídio há pelo menos três dias.

Ele teria sido lesionado com aproximadamente 3 ou 4 disparos de arma de fogo, provavelmente revólver calibre 38 na hora em que estava sentado no banco da Praça.

Dois homens estão sendo procurados como suspeitos do crime. Eles teriam fugido em uma moto de cor vermelha, porém características não anotadas por testemunhas.

A mãe do rapaz que trabalha no HRP esteve no local do crime e confirmou aos policiais que Paulo era usuário de droga. 

Sobe agora para 29 (vinte e nove) o número de assassinatos esse ano na grande Patos.


Fonte Portalpatos

segunda-feira, 19 de agosto de 2013

Festival Cinema com Farinha anuncia os filmes selecionados



A organização do 7º Festival Cinema com Farinha divulgou nesta segunda-feira, 19, os filmes selecionados para a para a edição deste ano. Foi escolhido um total de 44 filmes dentre os mais de 250 recebidos.

O evento cinematográfico será realizado entre os dias 16 e 19 de outubro em Patos-PB.
Confira a lista dos filmes selecionados:

Mostra Competitiva BrasilA última reunião dançante, de Lizandro Santos (RS)
Feijoada completa, de Angelo Defanti (RJ)
Meu amigo Nietzschie, de Faustón da Silva (DF)
Com os pés na cabeça, de Tiago Scorza e Gabriela Liuzzi (RJ)
O mensageiro, de Dácio Cardoso (SP)
O que Lembro, Tenho, de Raphael Barbosa (AL)
O último lamento, de Alex Pizano (RR)
Trocam-se bolinhos por histórias de vida, de Denise Marchi (RS)

Mostra Competitiva Paraíba
A poeira dos pequenos segredos, de Bertrand Lira (João Pessoa)
Cacha – Antigamente era mais moderno, de Luciano Mariz (Campina Grande)
Divas – vozes femininas, de Kalyne Almeida (João Pessoa)
Fogo Pagou, de Ramon Batista (Nazarezinho)
Púrpura, de Tavinho Teixeira (João Pessoa)
Testemunho, de Carlos Mosca (Lagoa Seca)
Vasto Mundo, de Gláucio Souza (Santa Rita)

Mostra Competitiva Minuto
Dog em cheirinho bom, de Fabiana Melo (PB)
Palito´s Story, de Leandro Porciano dos Santos (PB)
O vendedor de armas, de Érik Medeiros (PB)
Amor ao cubo, de Rafael Jardim (BA)
Distorção de uma paixão, de Ricardo Migliore (SP)

Mostra Especial de Longas
Belo Monte – O anúncio de uma guerra, de André D’Elia (SP)
Onde Borges Tudo Vê, de Taciano Valério (PE)
Acesso a Zona de Perigo [Access to the Danger Zone], de Eddie Gregoor e Peer Casaer (Bélgica)
 
Mostra Especial de Curtas (Infantil)
A equação do amor, de Fabio Allon (PR)
A nobre e breve história do beijo, de Eid Buzalaf (SP)
Cabeça Papelão, de Quiá Rodrigues (RJ)
Carpe Diem, de Dimitri Kozma (SP)
Crescer é esquecer, de Raquel Ferreira dos Santos (SP)
Matureia: na rota do turismo paraibano, de Antonio Dório e Jéssica Freitas (PB)
Me, Myself, de Carlon Hardt (SP)
O cangaceiro, de Marcos Buccini (PE)
O lobisomem da Paraíba, de Silvio Toledo (PB)
O menino que sabia voar, de Douglas Alves Ferreira (SP)
Paleolito, de Ismael Lito e Gabriel Calegario (RJ)
Terra, cuide dessa bola, de Cacinho (MG)

Mostra Especial Internacional
Aakhir - At Last, de Tarun Jain (Índia)
Bodies, de Ricardo Saraiva (Reino Unido)
Chaala, de Hicham Hajji (Marrocos)
Cleopatra ya Lalla, de Hicham Hajji (Marrocos)
Devil Share, de Alok Ojha´s (Índia)
Factory, de Chen Dengke (Estados Unidos)
Le Rêve du Stalker, de David Trujillo (França)
Man Who fed his shadow, de Mario Garefo (Grécia)
Zibidi, de Nart Zeqiraj (Kosovo)

Lançamentos
O vendedor de coisas, de Deleon Souto
No Reino da Rapadura, de Vera Lúcia Santos
O poeta do Pajeú, de Deleon Souto e Jean Philippe


Assessoria

Arquivo do blog