Compromisso com a verdade dos fatos

Bem-vindo ao blog Garimpando Palavras

sexta-feira, 20 de novembro de 2015

Alunos do Meu Presente é Ter Futuro participam de torneio no José Cavalcanti



Com o objetivo de promover intercâmbio e uma maior sociabilização entre os alunos que fazem parte do projeto esportivo Meu Presente é Ter Futuro, foi realizado nesta quarta-feira, 18 de novembro, no Estádio Municipal José Cavalcanti, um torneio entre as turmas da manhã e tarde, onde cerca de 80 crianças e jovens colocaram em prática os ensinamentos adquirido.

O projeto que possui 275 beneficiários tem como finalidade socializar e educar crianças e jovens através do esporte. Segundo o coordenador do projeto Meu Presente é Ter Futuro, Marcos Nascimento, relatou que além dos ensinamentos da modalidade do futebol é realizado todo um trabalho social com os alunos.

“O nosso principal objetivo é tirar essas crianças e esses jovens da situação de vulnerabilidade social e através do esporte melhorar toda a sua formação, melhorar a qualidade de vida, a educação de todos que participam do projeto. O esporte tem esse poder de modificar e transformar as pessoas,” comentou o coordenador.

Ainda de acordo com Marcos Nascimento, em um ano da criação do projeto já vem colhendo frutos, com a participação de vários atletas nas divisões de bases dos times da cidade e do Estado. “Hoje, temos alunos nas divisões de bases de clubes como Nacional, Esporte de Patos e alguns estarão fazendo testes no final do ano para o Botafogo da Paraíba como também para outros clubes,” ressaltou.

O projeto Meu Presente é Ter Futuro é mantido pela Prefeitura de Patos, através das Secretarias de Cultura, Turismo e Esporte e Educação, que desde abril de 2014 vem modificando a rotina dos jovens e crianças.

quinta-feira, 19 de novembro de 2015

Hospital Regional de Patos será “termômetro” de campanha no trânsito




O alto índice de acidentes registrado na cidade de Patos, bem como nas rodovias federais que cortam esse município, porém nessas áreas em menor escala, provocou o Ministério Público que orientou os órgãos de trânsito a desenvolveram ações educativas e punitivas visando a redução desses acidentes, que têm feito tantas vítimas fatais e deixados muitos com sequelas.


Segundo M. Silva, da 3ª Delegacia da PRF, em Patos, a campanha será em duas frentes, uma de conscientização, educativa, a partir do final deste mês e a segunda em dezembro, quando haverá punição para quem não seguir as leis de trânsito. Os resultados dessas ações serão analisados a partir das estatísticas oferecidas pelo Hospital Regional de Patos Dep. Janduhy Carneiro, cuja planilha oferece informações gerais sobre o perfil da vítima, local, tipos de procedimentos a que se submeteu, todos os parâmetros que venham a contribuir para que se entenda melhor o cenário do trânsito nesta cidade e redondezas.


Ele destaca o crescimento de acidentes na cidade, especialmente envolvendo motocicletas. Ele aponta a instalação de radares fixos na Alça Sudeste, que era uma área crítica em que ocorriam muitos acidentes, como algo bastante positivo, que praticamente os zerou. “A violência no trânsito na região metropolitana de Patos tem crescido bastante e em sua grande maioria envolve motocicletas. PRF, CPTran, DER, STTrans, juntos estaremos, cada qual na sua jurisdição, dentro de sua especificação, envolvidos para tentar diminuir esses acidentes, que nos preocupam bastante”, comentou M. Silva.


Sobre as estatísticas oferecidas pelo HRP, que servirá como referencial na campanha, cita a operação Aparecida, mês passado, quando os órgãos de trânsito registraram no feriadão apenas sete acidentes, seis na cidade de Patos e um na BR, enquanto o Hospital prestou atendimento a 33 pessoas vítimas de acidentes com moto, informações desconhecidas dos órgãos de trânsito e que fazem diferença para a campanha. Os dados do Hospital serão cruciais para sabermos com maior fidedignidade os resultados desse trabalho que que estamos iniciando na cidade de Patos e no seu acesso, pelas BR’s”, acrescentou.



Com equipe médica especializada, Campanha Novembro Azul chega aos homens do 3° BPM


Lembrando a Campanha Novembro Azul e com a proposta de levar ações de saúde a locais de trabalho com grande concentração de homens, o Programa Saúde do Homem esteve na manhã desta quarta-feira, dia 18, no 3° Batalhão de Polícia Militar. A ação dá continuidade ao calendário da campanha no município e contou com o apoio das equipes das unidades de saúde Aderbam Martins e Jardim Queiroz, uma equipe médica especializada composta por quatro médicos e alunos da ECISA.

Os atendimentos tiveram início logo às 6 da manhã para que o maior número de militares pudessem ser atendidos. Foram ofertados atendimentos médico e de enfermagem, além de aferição de pressão arterial, teste de glicemia em jejum e vacinação. Além de orientações com relação à sensibilização da população masculina sobre o câncer de próstata.

Durante as consultas médicas especializadas os homens foram examinados com o toque retal, importante exame para a detecção de alguma alteração na próstata.

“Ações como estas sempre são muito interessantes, são ações preventivas e de educação, ensina a população quais os riscos, os sinais de algumas patologias que merecem atenção, e ainda mais que isso, levam os serviços de saúde aos homens, demanda bastante reprimida,” comentou o médico da UBS Jardim Queiroz, Urbano Fernandes.

Participaram da ação os médicos Dr. Eliseu José de Melo, Dr. Jucélio Pereira, Dr. Urbano Fernades (da UBS Jardim Queiroz) e Dr. José Alex Carneiro (da UBS Aderbam Martins).

Além do 3° BPM, as ações da Campanha Novembro Azul também já foram desenvolvidas com os homens no 4º Batalhão de Bombeiros Militares e com os trabalhadores da CEASA, e segue na semana que vem na STTRANS.

“Esta é a nossa terceira semana de ações e vem sendo muito proveitosa, estamos bastante satisfeitos. Por onde nossas atividades passam vemos que os homens se sentem valorizados com esse cuidado, e aqui não foi diferente. Estamos conseguindo atingir nosso objetivo que é o da conscientização do homem com relação aos exames periódicos e à procura dos serviços de saúde, “ comentou o coordenador de saúde do homem do município, Hugo Geine.

Contudo, diariamente diversas unidades de saúde promovem os atendimentos noturnos para a população masculina dentro do cronograma da campanha, a exemplo das unidades Dr. Geraldo Carvalho, no Jatobá, Dr. Pedro Firmino, no José Mariz e Roberto Ôba, no bairro da Vitória.

Kamylla Lopes

quarta-feira, 18 de novembro de 2015

Polícia apreende cocaína e maconha no bairro de Jaguaribe, na Capital



Uma informação repassada para o 197, Disque Denúncia da Secretaria da Segurança e da Defesa Social, levou os agentes de investigação do Grupo de Operações Especiais (GOE) até um ponto de venda e distribuição de drogas que funcionava em uma residência localizada no bairro de Jaguaribe, na Capital.

A denúncia foi feita na tarde desta quarta-feira (18) e, a partir das informações, os policiais civis foram até o bairro e depois de uma ronda nas ruas encontraram a casa e o suspeito de comercializar as drogas. Anderson Carlos de Araújo Gomes, 30 anos, estava saindo da residência quando foi abordado pelos agentes de investigação.

Dentro da casa dele foram encontrados 11 tabletes de maconha e meio tablete de cocaína em pó, além de uma balança de precisão usada para pesar as drogas e sacos plásticos. Na Delegacia, Anderson disse que a droga era dele, mas não informou como comprou. Um casal que estava na casa também foi levado para ser ouvido, Dayane Clécio Alves de Sousa , 18 anos, e Emerson de Souza Falcão, 34 anos.

“A ligação para o 197 foi muito importante para o êxito deste trabalho. Os nossos investigadores do GOE conseguiram checar e confirmar a informação muito rápido, o que possibilitou a prisão de Anderson em flagrante. Agora vamos continuar investigando para saber qual a participação das outras duas pessoas que estavam com ele ”, disse o delegado do GOE, Allan Terruel.

Anderson foi autuado por tráfico de drogas e encaminhado para o Presídio do Roger, onde vai permanecer enquanto aguarda pela sentença da Justiça. Já Dayane e Clecio vão responder por associação ao tráfico. As drogas foram levadas para serem analisadas no Instituto de Polícia Cientifica da Paraíba (IPC).

secom

Traficante foragido de presídio do RN é preso pela PRF em Mamanguape



Agentes do Núcleo de Operações Especiais (NOE) da Polícia Rodoviária Federal (PRF) prenderam, na noite de ontem (17), um traficante de drogas que estava foragido. Ele viajava pela BR 101 quando foi abordado em Mamanguape, Região Metropolitana de João Pessoa.

O homem de nome Josenilson Bezerra, de 43 anos, cumpria pena pelo crime de tráfico de drogas em um presídio no Rio Grande do Norte em regime semiaberto; no entanto, ele era considerado foragido desde maio deste ano. Os PRFs abordaram o Fiat Idea às 22h30, que vinha de Natal com destino a João Pessoa, onde Josenilson era passageiro. Durante a fiscalização os policiais descobriram a condição de foragido do traficante.

O preso foi levado para a Delegacia da Polícia Civil da região.

ascom

Famílias da Paraíba se aproximam da escola e contribuem para a superação de conflitos


Encontros levam Educação Emocional e harmonia às comunidades do sertão ao litoral. 


Antônio Farias
A educação, seja a partir do lar com extensão na escola, na construção dos princípios que vão nortear a vida da criança até atingir a fase adulta, tem na família o grande referencial, com a escola assumindo o papel de corresponsável por essa formação.

O ciclo de encontros Emoções na Família – Construção da Paz, realizado pelo Governo da Paraíba, por meio da Secretaria de Estado da Educação em parceria com a organização Inteligência Relacional, tem como um dos objetivos incentivar os pais de alunos a participarem mais da educação dos seus filhos, estreitando laços por meio da afetividade e do diálogo.

No município de Juazeirinho, Seridó paraibano, a EEEF Marechal Almeida Barreto, com 40% dos alunos residentes na zona rural, histórias de superação foram reveladas pelos pais ao longo dos oito encontros de Emoções na Família.  Antônio Farias, 50 anos, tornou-se símbolo de persistência e compromisso na educação de seu filho, que ficou órfão de mãe, vítima de câncer, aos cinco anos de idade. Abalado com a morte prematura da esposa, resolveu mudar-se para São Paulo, levando consigo o filho, hoje com 15 anos.

“Foi difícil. Meu filho viveu dois anos sobre cuidados de terceiros. Mas não suportei vê-lo naquela situação e voltei”, relata, relembrando os conflitos vividos enquanto morava em São Paulo. Foi então que voltou para sua terra e assumiu o papel de pai e mãe, ficando bem mais próximo do seu filho. Sua participação foi incrível, marcando presença em todos os encontros Emoções na Família.
 
Antônio relata que foi uma experiência muito interessante. Ele enalteceu o papel do educador, reconhecendo essa profissão árdua, destacando a importância da família no processo de aprendizagem das crianças. "Adorei cada momento, as palestras, as dinâmicas, aprendi muito sobre conviver com o próximo, especialmente entender meu filho. Há muito respeito entre nós agora. Participamos bastante das mesmas atividades”, comentou.

O casal Claudete Apolinário e Valdemir Costa Soares, com uma filha na EEEF Marechal Barreto, enfatizou o quanto os encontros na escola contribuíram para tornar a família mais unida e integrada. “Nosso filho é muito fechado, mas com esses encontros a gente se comunica muito melhor, estamos bem mais próximos. Meu esposo agora conversa e participa mais da educação de nossa filha”, disse Claudete.

Educadores da Marechal Barreto
Os encontros desta escola tiveram como facilitadoras as educadoras socioemocionais Maria Gercina e Cláudia das Neves. Elas apontaram a aproximação da família com a escola como algo que vem contribuindo para fortalecer a relação dos educadores com os pais, que se tornaram mais presentes e compreensivos com seus filhos. Estes, por outro lado, estão tendo maior aproveitamento em sala de aula. “Com os pais mais presentes na escola, entendendo melhor seus filhos, suas carências afetivas, esses alunos passaram a obter melhores resultados na aprendizagem”, explica a educadora Cláudia.

Maria Joana, mãe de dois alunos, comemora os resultados em casa após sua participação nos encontros. O diálogo hoje é mais fácil, até mesmo com o seu esposo, agora dando mais atenção aos filhos, que estão mais obedientes e carinhosos.


Pedras de Fogo comemora grandes transformações e relatos positivos de pais e filhos.


Carla Valéria
No município de Pedras de Fogo, localizado na microrregião do litoral sul paraibano, a EEEF João Úrsulo também concluiu seu ciclo de encontros Emoções na Família, uma ação governamental inserida no plano de valorização da educação e de redução da violência na comunidade escolar.

Foi um momento festivo para pais, educadores e alunos, com apresentações de dança e coral que emocionaram a todos os presentes. A gerente da 12ª Regional de Educação, Carla Valéria, falou sobre o resgate das emoções dentro da escola. “São muitas atividades e orientações para os jovens, que se tornam mais conscientes com a família dentro do programa”, comentou, acrescentando que houve ganhos positivos, como a maior inclusão dos pais.

Sobre essa ação do Governo da Paraíba em oferecer a educação emocional para famílias na escola, a gerente Carla disse se tratar de uma estratégia essencial de trazer aos jovens questões como o respeito, o diálogo, a cidadania e o aprendizado da própria emoção desses jovens.

Francisco Xavier disse que os encontros são transformadores
Francisco Xavier, conhecido por José Locutor, assíduo participante dos encontros Emoções na Família da João Úrsulo, disse que esses momentos foram muito transformadores, não apenas para ele, mas para todos os pais, trazendo mais harmonia em família e no acompanhamento do aprendizado das crianças.

Os encontros foram responsáveis pelo fortalecimento das relações da comunidade escolar. Para a educadora socioemocional, Pricila Belarmino, estes foram grandes momentos para os educadores, que aprenderam a lidar com as emoções. Outra educadora socioemocional, Mariluce Ornilo diz que o trabalho a ajuda a conhecer os desafios e a superá-los, com o apoio da família. Lembrou, ainda, de um caso de um pai que fora a seu encontro em prantos por estar vivenciando um problema, mas que não sabia encará-lo. Depois dos encontros veio a ela agradecer por tê-lo superado a partir do autoconhecimento.
Educadoras Mariluce e Pricila


Outra escola da 12ª GRE que trabalha a educação das emoções na família, a EEEFM Getúlio Guedes, já percebe as mudanças na comunidade escolar. Uma das educadoras do programa, Claudenise Pimentel, ressalta a transformação que a escola enfrenta, com a redução da violência. Pais diziam que batiam em seus filhos, atitude deixada de lado e que vendo sendo ocupada pelo afeto e diálogo, como bem relatam esses pais. 

terça-feira, 17 de novembro de 2015

Tratamento no Hospital de Patos evita amputação de perna de jovem, que fará cirurgia plástica



Após quase dois meses internado no Hospital Regional de Patos Dep. Janduhy Carneiro recebendo tratamento especializado, através de curativo a vácuo de alta tecnologia, que conseguiu evitar a amputação de sua perna, o jovem Fabriciano Maia, de Princesa Isabel, foi transferido nesta terça-feira para o Hospital de Emergência e Trauma Senador Humberto Lucena, de João Pessoa, onde será submetido a uma cirurgia plástica reparadora, com o cirurgião Saulo Montenegro.

Na despedida, muita emoção do paciente, sua mãe, Natilza Maia e funcionários, que se dedicaram e torceram bastante pela recuperação do simpático jovem, que viajou confiante nessa nova etapa de tratamento.

Histórico

Ele sofrera um acidente de moto no dia 6 de setembro deste ano na zona rural de Princesa Isabel e corria sério risco de ter parte do membro inferior amputada, devido a gravidade do ferimento, com grande perda de partes moles que envolvem a tíbia e o tendão de Aquiles.

Devido seu estado clínico necessitar de cuidados mais especializados, foi transferido para o Hospital Regional de Patos. Durante a cirurgia houve evolução do ferimento para secreção, necrose, infecção local, com exposição de osso e do tendão de Aquiles, sendo necessários mais dois procedimentos cirúrgicos.

A gravidade da lesão levava à necessidade de amputação, segundo os médicos que atenderam o jovem. A família foi comunicada pelo médico ortopedista João Suassuna sobre um tratamento, bastante caro, procedimento que vem sendo usado há mais de dez anos no Brasil, mas pouco comum no âmbito da rede SUS, que não cobre esse serviço.

A direção do Regional de Patos, sabendo desse tratamento, curativo a vácuo, específico para ferimentos complexos, passou a custeá-lo, a fim de tentar evitar a amputação do pé e parte da perna de Fabriciano, tendo em vista as dificuldades financeiras da família.

Foi feito contato com uma empresa de Recife, que enviou enfermeiros a Patos e foi iniciado o tratamento do jovem no dia 21 de setembro, com a primeira aplicação. De lá para cá foram vários curativos a vácuo até a granulação de tecido na área do ferimento, oferecendo condições para enxerto (transplante de pele), que ocorrerá no Trauma.  O curativo a vácuo era a última alternativa viável naquele momento, segundo a enfermeira Ana Flávia, de Recife, para evitar a amputação de parte da perna do jovem.


Gestoras da Paraíba visitam sede da Inteligência Relacional em Ribeirão Preto-SP


  
Encontro da Secretaria de Educação do Estado da Paraíba com a organização Inteligência Relacional favorece o avanço da Educação Emocional e Social em 2016.

 “O contato direto com toda a equipe da Inteligência Relacional foi muito proveitoso para nós, representantes da Secretaria de Educação do Estado da Paraíba, porque estamos concretizando a proposta de expansão da implantação da Metodologia Liga Pela Paz para todos os alunos dos 6º e 7º anos do Ensino Fundamental. Cerca de 45 mil alunos beneficiados e, em breve, pretendemos trabalhar com a metodologia também nos 8º e 9º anos e Ensino Médio”, explica a gerente executiva de Educação Infantil e Ensino Fundamental da Secretaria de Educação do Estado da Paraíba, Iara de Oliveira Barros Araújo, em reunião estratégica ocorrida no último dia 12 de novembro na sede da organização.

Para possibilitar o avanço da metodologia em todo o estado, ao todo 223 municípios, a Secretaria da Educação irá reformular a estrutura geográfica de acompanhamento. “Agora serão 14 coordenadores responsáveis pela Liga Pela Paz, distribuídos respectivamente nas 14 gerências regionais em todo o estado. O conteúdo pedagógico que começamos a trabalhar em 2013, ainda dentro do Programa Mais Educação, foi tão impactante nos resultados da educação, que, logo no ano seguinte, o estado adotou a proposta e ampliou a implantação da metodologia em todas as escolas do 1º ao 5º ano do Ensino Fundamental. Agora, com o avanço para os setores finais, estamos sinalizando nosso compromisso e o reconhecimento da eficácia da metodologia na medida em que avança por todo o estado”, ratifica Iara.

Para a coordenadora da Metodologia Liga Pela Paz na Secretaria Estadual de Educação da Paraíba, Verônica de Souza Fragoso, o estado da Paraíba dá um grande passo disponibilizando recursos e mecanismos para toda a comunidade escolar e também para as famílias, oferecendo a abertura ao diálogo para o desenvolvimento das habilidades emocionais. “Nossa visita para dialogar com a equipe da Inteligência Relacional as propostas de como avançar os processos pedagógicos e de gestão foi muito produtiva. Acreditamos na importância de uma construção compartilhada, que possibilita a inclusão de valores transformadores na educação”, explica Verônica.



Na Paraíba, Emoções na Família também prospera com a Metodologia Liga Pela Paz.

Juntamente com a Metodologia Liga Pela Paz, o estado da Paraíba se destaca com o trabalho de Educação Emocional e Social para família e comunidade, conhecido como Emoções na Família. Nele, pais e familiares em geral realizam encontros periódicos, dentro da escola, com apoio de professores e gestores e dialogam acerca das mais variadas situações de conflito doméstico, sempre com o suporte do DVD Emoções na Família, desenvolvido pela Inteligência Relacional com o objetivo de estimular a Educação Emocional e Social no contexto familiar.

 “Para nós, poder dispor desse material para conversar com os pais e familiares representa um grande suporte para o saber pedagógico. Trabalhamos em áreas mais vulneráveis, com pouca escolaridade. Assim, a família sensibilizada acaba por reorganizar seus valores favorecendo a educação para a vida dentro da própria comunidade”, coloca a coordenadora Verônica de Souza Fragoso.

Ainda segundo Verônica, a valorização da escola pública passa por esse processo, o de harmonizar as relações entre pais, alunos e comunidade escolar. “Com a atenção também estendida para as famílias, a relação afetiva de olhar para o outro ganha espaço e todos se percebem sujeitos da própria história. Certamente o recurso pedagógico destinado para as famílias e também o material para os alunos dos 6º e 7º anos são propostas inovadoras, trazem o pensamento integral de Edgar Morin para uma reflexão sobre as emoções, que possibilita a construção de personalidades mais seguras, em que o sujeito se percebe protagonista de sua proposta de vida. O estado da Paraíba já entendeu que o desenvolvimento humano, hoje, é o que fortalece e estabelece a possibilidade de ir além”, conclui Verônica.


Projetos do MPT-PB de combate à exploração infantil serão apresentados no CE


O projeto de combate à exploração sexual de crianças e adolescentes implantado pelo MPT na Paraíba – que já foi citado como modelo de referência pelo procurador-geral do Trabalho Ronaldo Fleury – será apresentado em Fortaleza (CE), durante a 29ª Reunião Nacional da Coordinfância e evento comemorativo dos 15 anos dessa Coordenadoria. A reunião acontecerá desta terça-feira (17) a quinta-feira (19), no Hotel Oásis Atlântico Imperial, na capital cearense.
Esse projeto – que prevê a fiscalização de vias públicas, de hotéis, motéis e pousadas, campanhas e outras ações – será apresentado pelo procurador do Trabalho Eduardo Varandas, coordenador Regional da Coordenadoria de Combate à Exploração do Trabalho da Criança e do Adolescente (Coordinfância). Ele irá propor a expansão desse trabalho para todos os Estados.
“Vamos propor a efetivação desse trabalho. Além disso, vamos pedir a requisição de inquéritos policiais que tratam de exploração sexual de crianças e adolescentes, para que sejam apurados na esfera do MPT, já que esse crime está entre as piores formas de trabalho infantil”, afirmou Varandas.
Programação
No dia 19, a partir 15h, haverá uma sessão solene especial sobre os 15 anos da Coordinfância, na Assembleia Legislativa do Ceará, com premiação nacional do projeto MPT na Escola e lançamento do livro Coordinfância - 15 anos.
Game ‘Infância Livre’ será destaque
O evento também apresentará outras ações de sucesso implantadas pelo Ministério Público do Trabalho na Paraíba, a exemplo do jogo educativo “Infância Livre”, desenvolvido para o combate ao trabalho infantil.
Os games – criados através de uma parceria entre a Procuradoria do Trabalho de Campina Grande e a Facisa – serão apresentados na próxima quinta-feira (19), pela manhã, pelo procurador Raulino Maracajá e por Rodrigo Mota, coordenador do curso de Jogos Digitais da Facisa e do grupo responsável pela criação dos jogos.
“O game pode ser baixado e jogado gratuitamente, no site www.mptgames.com.br”, lembrou Raulino Maracajá.
Trabalho infantil em grandes eventos e lançamento de livro
Já a procuradora do Trabalho Edlene Lins Felizardo, apresentará um projeto de combate ao trabalho infantil em grandes eventos. Ela também fará a apresentação do livro sobre os 15 anos de atuação da Coordinfância. “O livro traz uma seleção de artigos jurídicos de membros que já atuaram na Coordinfância”, informou a procuradora, que é presidente da comissão que organizou a obra.


Maryjane Costa

Maternidade de Patos celebra Dia Mundial da Prematuridade com mães de bebês prematuros



Nesta terça-feira (17), 18 bebês estão recebendo cuidados especiais na
 Dr. Peregrino Filho por terem nascido antes de 37 semanas de gestação


Os nascimentos prematuros são responsáveis por quase metade das mortes de recém-nascidos no mundo. No Brasil, 11,7% do total de nascimentos acontecem antes de 37 semanas de gestação, segundo dados da Organização das Nações Unidas (ONU). Hoje, 17 de Novembro, se comemora o Dia Mundial da Prematuridade e a Maternidade Dr. Peregrino Filho, de Patos, centro de referência do sertão paraibano em atendimento a gravidez de alto risco e a bebês prematuros, não deixou a data passar em branco e celebrou o momento com uma comemoração especial, junto com as mães dos 18 bebês prematuros que, atualmente, estão recebendo cuidados especiais na unidade de saúde, sendo seis deles na UTI Neo, outros seis bebês na UCIN e mais seis RN na Mãe-Canguru.

A ação, realizada pela Comissão de Humanização da Maternidade, aconteceu na manhã desta terça-feira (17), no alojamento Mãe-Canguru e contou com a participação da coordenadora da Comissão, Jussineide Brito, do diretor clínico da unidade, Dr. Paulo Athayde e da Dra. Vandezita Mazzaro, representante da pediatria na Comissão de Humanização e responsável pela UTI Neo e UCIN da unidade que integra a rede estadual de saúde. Todos falaram da importância dos cuidados especiais que deve ter um prematuro, sobre os diferenciais de atendimento e serviços prestados pela Maternidade e sobre os riscos que tem um bebê prematuro. Em seguida, todas as mães presentes receberam de lembrança uma bolsa tipo nécessaire e funcionários e acompanhantes, além das mães, laços de fita roxa, cor que simboliza o Dia Mundial do Prematuro. O evento foi encerrado com um lanche especial e recebeu muitos elogios das mães presentes, que compararam o trabalho dos médicos a ‘verdadeiros anjos na terra’.

O diretor clínico da Maternidade, Dr. Paulo Athayde, explica que a data foi criada para alertar sobre o crescente número de partos prematuros e informar sobre as consequências para o bebê, sua família e a sociedade. “Essa data é uma maneira de conscientizar as pessoas sobre a importância da prevenção da prematuridade. Também neste dia, queremos refletir sobre a qualidade e a humanização do atendimento oferecido para os RN que nascem antes do tempo e suas famílias, clamando assim por tratamento moderno e adequado nas UTI’s, a exemplo do que disponibilizamos aos prematuros que nascem em nossa unidade”, destacou Dr. Paulo.



Assessoria

Polícia desarticula quadrilha suspeita de tráfico de drogas e prende 14 pessoas no Sertão



A Polícia Civil da Paraíba realizou, nesta terça-feira (17), a Operação Acefalia, que teve como objetivo a repressão ao tráfico de drogas na região de Cajazeiras. Cem policiais civis participaram da ação, que reuniu o efetivo do Sertão e ainda de delegacias especializadas de João Pessoa e Campina Grande. Ao todo, 14 mandados de prisão foram cumpridos, sendo seis dentro do sistema prisional.

De acordo com o delegado geral de Polícia Civil, João Alves, o trabalho desarticulou um esquema criminoso de tráfico de drogas que tinha à frente Marcos Pereira da Silva, assassinado no dia 10 de novembro. “Tráfico e associação para o tráfico uniam essas pessoas. As ações realizadas pela nossa instituição no enfrentamento ao tráfico já resultaram em 23 prisões e apreensão de quase uma tonelada de maconha e cocaína, entre o dia 26 de julho e hoje”, destacou o delegado.

Entre as pessoas presas e ligadas a Marcos estão a viúva dele, Geralda Mendes Venceslau; a irmã, Rosineide Pereira da Silva; o motorista, Vancemberg Pereira da Silva; o armeiro Josimário Timóteo, homem de confiança de Marcos; Francisca Elizabeth Mendes Venceslau, cunhada de Marcos; Maria Aparecida Rocha Bastista, esposa de um dos homens que vendia drogas para o traficante; Isaías de Oliveira, bacharel em Direito que acompanhava os integrantes da associação criminosa quando eram intimados a comparecer na delegacia; e Carlos Magno Mesquita, diretor da Cadeia Pública de Catolé do Rocha.

Segundo o titular da 20ª Delegacia Seccional de Cajazeiras, delegado George Wellington, o diretor favorecia e facilitava as ausências de Marcos quando do cumprimento do regime prisional. “Toda Operação teve o apoio da Secretaria de Administração Penitenciária, com a presença do secretário Wagner Dorta, no cumprimento dos seis mandados”, comentou o delegado.

Ainda de acordo com o policial, a Polícia Civil continua as investigações e outras pessoas podem ser presas. “Também trabalhamos para elucidar o assassinato de Marcos Pereira da Silva”, acrescentou.

Apreensões de drogas no Sertão – Entre as ações de destaque da Polícia Civil na região de Cajazeiras no combate ao tráfico de drogas na região, está a apreensão de quase 800 quilos de maconha no dia 7 de setembro deste ano. O material estava escondido no teto falso de um caminhão baú.

Do dia 26 de julho até esta terça-feira (17), foram presas 26 pessoas ligadas ao esquema criminoso e apreendidos dois caminhões, dois carros, três motos, quatro armas curtas e duas longas, aproximadamente uma tonelada de maconha e 39 quilos de cocaína.

Patos ganhará novo canal de TV aberta com a chegada da TV Câmara



Desde a manhã desta segunda-feira, dia 16 de novembro, a presidente da Câmara Municipal de Patos, vereadora Nadir Rodrigues Guedes (PMDB), se encontra na Capital Federal, onde, juntamente com o presidente da Câmara de Campina Grande, vereador Antonio Alves Pimentel Filho (PSD), participam de reuniões para consolidar a vinda da TV Câmara para as cidades de Patos e Campina Grande.

O primeiro encontro aconteceu ontem, com a presença do diretor-geral da TV Câmara dos Deputados, Claudio Ferreira e Evelin Maciel, da diretora da Coordenação de Rede Legislativa de Rádio e TV, Evelin Maciel, momento em que foi repassada a presidente Nadir a autorização do Ministério das Comunicações para iniciar a transmissão de uma TV Câmara, em canal aberto, através do Canal 14, o mais novo e importante meio de comunicação entre a Câmara e a população patoense e da região.

“À convite da Câmara Federal estamos em Brasília, juntamente com outros presidentes de Câmaras da Paraíba e de outros estados, onde participamos de um grande evento da rede legislativa, que contará com as presenças dos presidentes da Câmara Federal e do Senado e no qual faremos a assinatura dos acordos para implantação da TV Câmara em nosso município, uma vez que ele está apto para a instalação e uso de equipamentos de estação de TV Digital e, já no dia 04 de dezembro, na Paraíba, faremos a assinatura do contrato de parceria e iniciaremos os preparativos para colocar no ar este importante elo de ligação entre a Câmara e o povo”, relatou a presidente Nadir.

A presidente ainda acrescentou que a Câmara de Patos irá preparar um projeto técnico e fará uma consulta, na qual será analisada a capacidade financeira do município em abraçar esta ação, para que assim possa ir ao ar, em canal de TV aberta, a TV Câmara de Patos.

“Na manhã desta segunda-feira, nós aproveitamos para fazer uma visita à Câmara Federal, onde fomos acompanhados em uma visita para conhecer parte da estrutura da TV Câmara, tivemos a oportunidade de ver como de fato funciona e, principalmente, tivemos uma ideia do que precisamos ter para instalar este importante instrumento de comunicação em nosso município, e que servirá como base para montarmos o nosso projeto”, complementou Nadir.

O anuncio oficial da liberação dos canais foi feito na manhã desta terça (17), durante a participação dos parlamentares no Congresso Nacional da Associação Brasileira de Televisões e Rádios Legislativas (Astral), que neste ano tem como tema "A ampliação da rede legislativa no Brasil e a importância da Astral no processo de ampliação".

Ascom | Câmara Municipal de Patos

Países economizam até 83% em primeira compra conjunta de medicamentos

Iniciativa inédita no mundo de negociação de preço liderada pelo Brasil reduz em mais de U$ 20 mi tratamento para aids e pode viabilizar oferta de produtos inovadores para hepatite C
Os países do Mercosul fecharam a primeira compra conjunta de medicamentos nesta sexta-feira (13), em Assunção, Paraguai, durante reunião de ministros de saúde do bloco. A iniciativa, inédita no mundo como estratégia de negociação de preço junto às farmacêuticas, alcançou descontos de até 83% na aquisição de medicamentos de aids.

 
“Em um momento em que os países discutem a sustentabilidade de seus sistemas de saúde, essa ação inovadora pode garantir a ampliação da assistência em saúde com o que há de mais moderno e de maneira mais econômica”, destacou o ministro da Saúde do Brasil, Marcelo Castro. “Adotamos uma estratégia inédita com as farmacêuticas, que fortalece a integração dos países e que nos assegura melhores condições”, complementa.

Nesta primeira rodada de negociação, ficou acertada a aquisição do medicamento darunavir, usado no tratamento de aids, por oito países. O valor negociado, de U$ 1,26 por unidade, é cerca de cinco vezes menor que o praticado na Venezuela, Chile e Uruguai, por exemplo. Esses três países, junto com Brasil, Argentina, Paraguai, Peru e Suriname, vão economizar mais de U$ 20 milhões com a compra conjunta.  Para o Brasil, que já registrava um dos menores preços do bloco, de U$ 2,98 por unidade, representará uma redução de U$ 14,2 milhões.

Os países do Mercosul também avançaram na compra conjunta de três medicamentos para hepatite C – sofosbuvir, daclastavir e simeprevir. Essa é a mais inovadora linha de tratamento para a doença, cujo uso aumenta para 90% as chances de cura. A meta era atingir o preço contratado pelo Brasil este ano, equivalente a U$ 9.425 para o tratamento de 12 semanas, valor 300% menor que o praticado pelos países europeus e Canadá. Com as negociações desta semana, os países estudam, agora, uma nova alternativa de tratamento com um preço 14% menor.


A realização desses acordos será fundamental para viabilizar a oferta de tratamento para hepatite C em pelo menos mais quatro países da América do Sul. Argentina, Chile, Venezuela e Uruguai já haviam iniciado o processo de aquisição para melhorar o tratamento da doença, mas tiveram de encerrar por conta de valores muitos altos para a sustentabilidade de seus sistemas de saúde. Agora, retomam este projeto.

A compra conjunta de medicamentos é fruto de acordo assinado em julho deste ano durante reunião de ministros do Mercosul no Brasil, quando o país estava à frente da presidência do bloco. O objetivo é assegurar para os melhores preços de compra de medicamentos e insumos para os sistemas de saúde dos 12 países da América do Sul.

Os países priorizaram nesta primeira rodada de negociações quatro medicamentos estratégicos, um para aids (darunavir), com alta variação de preço de um país para outro, e três para hepatite C, cujo valor inviabilizava a oferta em alguns dos sistemas de saúde da América do Sul.

Os quantitativos adquiridos serão definidos pelos governos de acordo com as demandas locais. Os países deverão realizar a compra por meio da Organização Pan-Americana da Saúde (Opas) ou em conjunto com os sistemas nacionais. No caso da compra do darunavir, para aids, a aquisição será pelo fundo global da Opas.

Uma segunda rodada de compra conjunta está prevista para 2016 com foco em quatro medicamentos para tratamento de câncer e de aids. O Brasil investiu, em 2014, mais de R$ 500 milhões na compra desses quatro produtos.

 

Por Camila Rabelo, da Agência Saúde

Bando intercepta carro-forte da PB com munição militar e rouba R$ 1 mi após explosão


Um carro-forte de uma empresa de transporte de valores sediada na Paraíba foi interceptado por uma quadrilha no fim da tarde desta segunda-feira (16) na rodovia BR-427, no Rio Grande do Norte, próximo ao município de Serra Negra do Norte e à divisa com a Paraíba. Apurações preliminares da polícia indicaram que uma arma Ponto 50, de uso exclusivo das forças armadas, foi utilizada pelos bandidos, que explodiram o veículo e roubaram, a princípio, R$ 1 milhão, segundo a Polícia Federal.

O fato mobilizou também as Polícias Militares dos dois estados, que partiram em buscas e, até as 23h30 desta segunda, não haviam detido nenhum possível suspeito. Os policiais informaram que os criminosos trafegavam em um veículo Ford Ecosport. Eles teriam ultrapassado o carro-forte e impedido a passagem dele, que levava seis pessoas.

A PM informou que o motorista do carro-forte foi surpreendido com disparos de arma de fogo. Ele foi atingido quatro vezes, mas o impacto dos tiros foi absorvido pelo colete à prova de balas que usava. O condutor, no entanto, ficou ferido em um dos braços por um tiro de raspão.

Após o atentado, todos os ocupantes do carro-forte fugiram para uma área de mato, enquanto os suspeitos detonavam o veículo com explosivos e roubavam todo o dinheiro nele contido.

O bando fugiu para destino desconhecido. O Ecosport foi encontrado incendiado na Zona Rural de Serra Negra do Norte. As vítimas relataram a ocorrência às autoridades, mas nenhum suspeito foi reconhecido até o fim da noite.

A empresa de segurança não quis se pronunciar sobre o crime.

portalcorreio

Servidores da Justiça decidem suspender a greve na Paraíba

Os servidores do Poder Judiciário da Paraíba realizaram ontem uma assembleia e decidiram suspender a greve da categoria. Um representante da Associação dos Técnicos e Analistas do Poder Judiciário (Astaj-PB) explicou que as negociações de campanha salarial continuarão acontecendo. Segundo Camilo Cabral presidente da Astaj, a mobilização não acabou. Na última terça-feira, 13, o desembargador Fred Coutinho, do Tribunal de Justiça, havia acatado o pedido de liminar do Estado e determinado a suspensão da greve dos servidores do Poder Judiciário, com imediato retorno ao exercício de suas funções, sob pena de multa diária de R$ 5 mil.
 
Ao tomar conhecimento do retorno dos servidores ao trabalho, o presidente do TJ da Paraíba, desembargador Marcos Cavalcanti afirmou que "o bom senso prevaleceu porque a greve não interessa a ninguém". A comunicação oficial sobre a suspensão da greve chegou ao Gabinete da Presidência do TJPB no início da noite desta segunda-feira (16).
 
“Quero ressaltar a sensibilidade dos líderes classistas que representam as categorias do Poder Judiciário estadual pela atitude de bom senso, tomada na tarde desta segunda-feira, ocasião em que, em assembleia, decidiram suspender a greve. Reafirmo que a proposta do Tribunal chegou ao teto do que o Poder Judiciário poderia oferecer aos servidores, dentro dos limites orçamentários da Justiça estadual”, garantiu o desembargador Cavalcanti.
 
O chefe do Poder Judiciário garantiu também que as portas do Tribunal continuarão abertas para receber os líderes classistas, a exemplo do que ocorreu durante as reuniões entre as partes realizadas durante o atual processo de negociação. “Continuaremos abertos ao diálogo e com o mesmo respeito que sempre dispensamos aos servidores e aos seus respectivos representantes”, declarou o presidente.
 
Auxílio Alimentação – Em face da Suspensão do movimento grevista, o chefe do Poder Judiciário informou que vai tomar todas as providências para honrar, já neste mês de novembro, um dos compromissos acordados durante as negociações, que diz respeito a concessão de um aumento de 11.11% sobre o valor do Auxílio Alimentação, a ser pago na folha do mês em curso – após referendo do Pleno – , com efeito retroativo a fevereiro deste ano.
 
Suspensão de Prazos - Ao receber o comunicado oficial sobre a suspensão da greve, o presidente Marcos Cavalcanti assinou um ato (Ato da Presidência nº 130/2015), no qual resolve que ficam constituídos, a partir do dia 18 de novembro de 2015, os prazos processuais suspensos pelo Ato da Presidência nº 129, de 13 de novembro de 2015, sendo que no dia 17 de novembro do ano em curso, os prazos estão suspensos em decorrência de decisão do Tribunal Pleno, deferindo requerimento da OAB – Seccional da Paraíba, em face da realização de eleições na referida instituição.
 
O Ato da Presidência nº 130/2015 será publicado no Diário da Justiça Eletrônico, edição desta terça-feira, dia 17 de novembro de 2015.

segunda-feira, 16 de novembro de 2015

Polícia apreende 26 armas de fogo durante fim de semana na Paraíba


A Polícia Militar apreendeu 26 armas de fogo, nesse fim de semana, nas cidades de João Pessoa, Alagoa Grande, Patos, Santa Rita, Campina Grande, Juazeirinho, Nova Floresta, Cajazeiras, Itatuba, Lucena, Caaporã, Sapé, Cuité de Mamanguape e Belém. Vinte seis suspeitos foram detidos em flagrante.

O último deles na cidade de Patos, durante operação realizada na noite desse domingo (15), no município. Alex Pereira Guedes, de 38 anos, foi flagrado com um revólver calibre 38 dentro do carro, próximo à Praça Getúlio Vargas, no centro. Alex havia sido preso em uma operação realizada na cidade no dia 17 de setembro deste ano, também com uma arma de fogo.

No total, foram retirados de circulação 15 revólveres e 11 espingardas. As armas apreendidas foram entregues nas delegacias de polícia civil, que encaminha à Justiça para que, após os trâmites legais, sejam enviadas ao Exército, que realiza a destruição do material.

secom

Desafio Universitário Empreendedor divulga vencedores da etapa estadual



Alunos da UFCG, IFPB e UFPB irão representar a Paraíba na etapa nacional, em Brasília, de 4 a 8 de dezembro

Os quatro vencedores paraibanos da etapa estadual do Desafio Universitário Empreendedor foram selecionados neste domingo (15), depois de três dias de jogos no Centro de Convenções Raymundo Asfora, em Campina Grande. Danilo Araújo Medeiros (UFCG – campus Sousa), Lucas Bezerra (IFPB em Sousa), Yane Coutinho (UFCG) e Ygor Juarez de Pontes (UFPB) foram os vencedores da etapa estadual. De 4 a 8 de dezembro deste ano, eles estarão na disputa nacional, em Brasília (DF), representando a Paraíba. No ano passado, a equipe paraibana conquistou o segundo lugar na etapa nacional. Este ano, os vencedores nacionais, representam o país na etapa mundial, no Japão.

Desde a sexta-feira (13), 37 competidores do Estado estavam participando do Desafio. A competição teve 1.036 alunos inscritos na Paraíba. Os vencedores ganharam troféu, smartphones e a viagem para Brasília para representar a Paraíba. No domingo, houve também a entrega dos troféus Desafio às instituições de ensino superior parceiras do programa. No ranking histórico, a Universidade Federal da Paraíba (UFPB) ganhou e foi representada pela reitora Margareth Diniz. No ranking ciclo foi a Universidade Estadual da Paraíba (UEPB), representada pela professora Simone Silva. 

Como professores amigos do Desafio, Vicente Paulo Araújo, Raíssa Medeiros, Cristiano Rodrigues, José Nilton Silva, José Irivaldo, Kênia Cristina, João Rodrigues e Janeide Albuquerque também foram homenageados e receberam o certificado “Professor Amigo do Desafio”. A professora Janeide foi a mais indicada pelos alunos neste ciclo e ganhou, além do certificado, troféu e smartphone.

O gerente do Sebrae em Campina Grande, João Alberto Miranda, falou da importância de se ensinar o empreendedorismo nas universidades. “Nós temos hoje no Brasil 10 milhões de empresas. O Desafio busca inserir os universitários nessa cultura empreendedora para incentivar mais ainda a inserção no mundo empresarial. Quero agradecer a todas as agências do Sebrae na Paraíba, às instituições de ensino superior, aos professores e alunos, pelo empenho”, disse.

A participante do Desafio, a universitária Camila Ferreira, que participou pela primeira vez da competição, disse que foi um momento importante, de construção coletiva, de criação e planejamento. “Cada um se empenhou e contribuiu com o que tinha. E as equipes também respeitaram isso, o conhecimento individual e a contribuição para o grupo”, comentou.

O Desafio Universitário Empreendedor é uma competição nacional, desenvolvida pelo Sebrae, que estimula os alunos das instituições de educação superior a desenvolver atitudes empreendedoras, fazendo com que eles fiquem mais preparados para os desafios do mercado. Na competição, o universitário desenvolve a habilidade em gerir negócios, participa de atividades virtuais e presenciais que difundem os conceitos de gestão, mercado, inovação e empreendedorismo.


Assessoria

Brasil reduz em 36% o número de mortes de crianças no trânsito

O dado representa a redução de mais de 560 óbitos de crianças na faixa etária de 0 a 10 ano
O Brasil reduziu em 36% o número de mortes de crianças (0 a 10 anos) no trânsito na última década. Entre os anos de 2003 e 2013, esse número caiu de 1.621 para 1.054 vítimas. Cerca de 560 crianças foram salvas, sejam as ocupantes de veículos motorizados, sejam as que se deslocam a pé ou de bicicleta. Quinhentas crianças são diariamente vítimas fatais do trânsito em todo o mundo, segundo estimativa da Organização Mundial de Saúde (OMS). Como forma de chamar a atenção dos líderes mundiais, 500 crianças de escolas do Distrito Federal realizaram na manhã desta segunda-feira (16/11) uma mobilização na área externa do Congresso Nacional em Brasília.

O evento Save Kids Lives é uma campanha mundial e oficial, liderada por crianças e coordenada pelo grupo Colaboração Global das Nações Unidas para a Segurança no Trânsito. O objetivo é conclamar autoridades de todo o mundo a assumir compromissos e adotar medidas pela redução das mortes no trânsito. A Declaração das Crianças para a Segurança Viária já atingiu a marca de 1 milhão de assinaturas e será entregue pelos organizadores aos líderes mundiais e demais participantes da 2ª Conferência Global de Alto Nível sobre Segurança no Trânsito – Tempo de Resultados, que acontece nos dias 18 e 19 de novembro, em Brasília.

A mobilização Save Kids Lives, em Brasília, foi organizada pela FIA Foundation em parceria com a Aliança Global de ONGs pela Segurança no Trânsito, a Criança Segura (coordenadora brasileira da campanha) e a Policia Rodoviária Federal, com apoio de diversos órgãos do Governo do Distrito Federal (GDF) e da empresa Michelin.

“Esse é evento importante para chamar a atenção para o problema, e para que os países reforcem as medidas voltadas para proteger as crianças no trânsito, seja as ocupantes de veículos motorizados, seja as que se deslocam a pé ou de bicicleta”, afirmou a coordenadora do projeto Vida no Trânsito no Ministério da Saúde, Marta Silva, lembrando que o Brasil logrou reduzir as mortes de crianças no trânsito, na última década e meia, em cerca de 36%. “Campanhas educativas, aumento da segurança veicular e a lei da cadeirinha contribuíram para a redução”, destacou.

Lei da cadeirinha – Um dos mais importantes avanços na legislação brasileira protetiva a crianças no trânsito é a lei da cadeirinha, de maio de 2010, que estabeleceu padrões de segurança para transporte de crianças menores de dez anos. De acordo com a resolução do Conselho Nacional de Trânsito (Contran), crianças nessa faixa etária devem viajar no banco traseiro usando cinto de segurança ou sistema de retenção equivalente - bebês de até um ano de vida têm que estar em bebê conforto ou conversível, de um a quatro anos em cadeirinhas e de quatro a sete anos em assento de elevação. A não obediência ao dispositivo legal é considerada infração gravíssima e prevê multa de R$ 191,54, perda de sete pontos na Carteira Nacional de Habilitação e retenção do veículo até que a irregularidade seja sanada.

ROAD SAFETY BRAZIL - A 2ª Conferência Global de Alto Nível sobre Segurança no Trânsitotem entre seus objetivos avaliar o andamento das iniciativas para redução das mortes e lesões ocorridas no trânsito em todo o mundo em meio à Década de Ação para a Segurança no Trânsito 2011-2020.

O Brasil, que se voluntariou a sediar o evento, é um dos Amigos da Década - grupo informal comprometido com o sucesso do plano global. A meta do grupo é salvar 5 milhões de vidas no planeta até 2020 por meio da adoção, pelos países comprometidos, de políticas, programas, ações e legislações que aumentem a segurança nas vias, especialmente para pedestres, ciclistas e motociclistas, que correspondem à metade das estatísticas de mortes no trânsito, segundo a Organização Mundial de Saúde (OMS).

Também integram o grupo Rússia, Estados Unidos, Espanha, França, Austrália, Argentina, Costa Rica, Índia, México, Marrocos, Nigéria, Omã, Filipinas, África do Sul, Suécia, Tailândia, Turquia, Uruguai, Organização Mundial de Saúde, Banco Mundial, Comissão Econômica para a Europa, Comissão Global pela Segurança no Trânsito (vinculada à Federação Internacional de Automobilismo) e Parceria Global pela Segurança no Trânsito (Vinculada à Federação Internacional da Cruz Vermelha).

A Conferência é organizada por um comitê interministerial composto por nove ministérios, sob a coordenação do Ministério da Saúde, em parceria com Organização Mundial de Saúde (OMS), Organização Panamericana de Saúde (Opas) e o grupo Amigos da Década.

VIDA NO TRÂNSITO – O Projeto Vida no Trânsito é uma iniciativa brasileira voltada para a vigilância e prevenção de lesões e mortes no trânsito e promoção da saúde, em resposta aos desafios da Organização das Nações Unidas (ONU) para a Década de Ações pela Segurança no Trânsito 2011-2020. O foco do projeto são ações que incidam sobre fatores de risco, como a mistura de álcool e direção e a velocidade excessiva, além de outros fatores ou grupos de vítimas identificados localmente a partir de análises dos dados, especialmente relacionados a acidentes de transporte terrestre envolvendo motociclistas.

O programa é coordenado pelo Ministério da Saúde, tem articulação interministerial e parceria com a Organização Pan-Americana da Saúde (Opas). Foi lançado em 2010, como parte da iniciativa internacional denominada Road Safety in Ten Countries (RS 10), sob a coordenação da Organização Mundial da Saúde (OMS), incluindo a participação das entidades Association for Safe Internacional Road Travel (ASIRT); Centers for Sustainable Transport (EMBARQ); Global Road Safety Partnership (GRSP); Johns Hopkins Bloomberg School of Public Health (JHU) e World Bank Global Road Safety Facility (GRSF).

Por Ludmilla Duarte, Agência Saúde

Arquivo do blog